covid 19 virusA eclosão do novo Coronavírus (COVID-19) em Wuhan, na província de Hubei, República Popular da China, em Dezembro de 2019, e o alastramento da doença pelo mundo que obrigou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declará-la pandemia, levou ao encerramento de escolas, em pouco mais de 90 países, em prejuízo de cerca de 780 milhões de crianças e jovens, segundo a Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (UNESCO).

Entre esses países, destaca-se Moçambique, cujo sector de educação está encerrado desde Março último, em cumprimento do Decreto Presidencial 11/2020 no âmbito do Estado de Emergência de 1 a 31 de Abril de 2020 e prorrogado, tudo como o objectivo de evitar situações de contágio com o novo Coronavírus no meio escolar.

Para fazer face ao facto de as aulas presenciais não estarem em curso, diversas instituições de ensino públicas e privadas, decidiram por conta própria usar recursos à distância, para aliviar o impacto do novo Coronavírus sobre o currículo escolar.

Entre as medidas e ou acções em curso, conta-se o recurso à internet para a partilha de informação sobretudo da plataforma de WhatsApp, através do qual, os professores disponibilizam conteúdos (fichas de exercícios) aos seus alunos e alunas, que depois de os resolverem, devolvem-nos pela mesma via. O uso deste mecanismo é mais comum nas zonas urbanas.

Casos existem, entretanto, e não são poucos, que a maioria de professores e alunos que não têm o aplicativo acima referido, disponível.

Para colmatar a situação, os professores elaboram fichas e os alunos, contra todos os riscos que isso acarreta, deslocam-se às escolas para a levantar, devolvendo-as depois de resolvidas.

Foi por reconhecer este problema de fraca abrangência das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC´s) e pela necessidade de garantir a educação (um Direito fundamental), que o governo, através do Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano, em coordenação com a televisão e rádio públicas, nomeadamente TVM e Rádio Moçambique, elaboraram um plano conjunto de leccionação à distância que é o caso dos programas da Telescola e Rádio-escola, que embora não sendo de todo eficazes, se tem revelado muito importante para manter a ligação entre alunos e professores.

A introdução de novos meios tecnológicos no ensino tem vindo a produzir efeitos positivos na aprendizagem, pois estes estão modificar o modo como os professores estão habituados a ensinar e os alunos a aprender.

 

O que há a reter deste processo?

A implementação deste modelo de ensino e aprendizagem tem um custo social e económico alto. Os mais desfavorecidos, que são a maioria da população ficam cada vez mais com menos oportunidades para estudar.

Os alunos cujos pais ou encarregados de educação,  têm limitações, não acompanham o aprendizado à distância, pois, não têm acesso a ferramentas digitais.

As tecnologias usadas nem sempre são adequadas com a realidade local, por exemplo com os serviços de energia eléctrica e comunicações.

As medidas implementadas não garantem o acesso às aulas, por parte de alunos e alunas de famílias de baixa renda ou com necessidades especiais (com deficiência física, auditiva ou visual).

FaLang translation system by Faboba

Como
ajudar a RDC

Donativos financeiros, brinquedos,
roupas e utensílios de criança.

Contacte-nos através de:

+258 21 314 215

Rua das Flores, 52, Bairro Central, Maputo, Moçambique.

Como chegar  |  Política de Privacidade 

Coordenação DK  agir

Financiamento Suecia  Holanda  pestalozzi

realpornfilms xxxteenhub romanporn duvpornxxx asianpornxxx hubpornindian eniporn insexmovies/a> xssn hotporntub toutpornxxx hdxxxporn pornominutes sextresss xvideosporn xxxmeri xpornpalace sexmaxfree adultpornmovie hotmomsteen/a> freeporntix compilation of gagging men must see amateur video to cum maiara marzia indian tamil marvadi aunty showing her boobs in bus kinky filly s first sex video
[MMD 3D R-18] Ogre
Free Webcam Site Chat Porn
International Threesome

Sandra assfucked

roxy and lee's first sex tape
mobilpornfilm